Sou muita ternura ou chama , sou amor e paixão , sou meiga e sonhadora, uma sonhadora eterna ! Sou assim e assim, romantica , selvagem, calma e feroz, mas... sincera

Eu mesma!

Selo para Levar Consigo


terça-feira, 25 de novembro de 2014

Cansada




Nada
apenas resta o nada
estou cansada

Cansada de me agradar
agradar-vos
e sofrer punhaladas

Cansada da perfeição
muito amada e pouco amada
perto de ser imperfeita
e chorar por ser magoada

Estou sim, cansada!
dos dias, das noites em vão
do tempo sem dormir e em serão
à procura da solução
derivando entre o sim e o não

Cansada!
dos elogios quando dou e estou presente
e ser relembrada nos piores momentos
cansada da ganância, do abraço longe de mim
esfaqueada quando me encontro no chão e algo é ruim

Cansada!
de julgamentos
de criticas destrutivas, sem calma
de conselhos vazios, amargos
de peritos, grande sabedores, sem alma

Cansada!
que me apontem o dedo quando erro
esquecendo que sou mulher e humana
cansada das palavras onde me enterro
sentimentos pisados e tudo me engana

Cansada!
do pranto à partida
do choro à chegada
em função da vida

Cansada!
de sorrir com a dor a torturar
da cruz que carrego anos seguidos
e a saudade a atormentar

Tenho os ombros doridos, o coração despido
sob a melancolia crepuscular
dos meus dias, tristonhos, sombrios, perdidos
dedos a sangrar de tantos versos por expressar

Quem, quem, procura saber ou entender?

Esgotada
não falem o meu nome sem ouvir a razão

Estou cansada, repito, cansada!
preciso respirar

Sem comentários:

Enviar um comentário